segunda-feira, 23 de junho de 2008

Futuro de Portugal

Um menino regressa da escola cansado e faminto e pergunta à mãe:
'Mamã, que há de comer?'
'Nada, meu filho.'
O menino olha para o papagaio, que têm na gaiola, e pergunta:
'Mamã, porque não há papagaio com arroz?'
'Porque não há arroz.'
'E papagaio no forno?'
'Não há gás.'
'E papagaio no grelhador eléctrico?'
'Não há electricidade. '
'E papagaio frito?'
'Não há azeite.'

E o papagaio contentíssimo gritava: -'VIVA SÓCRATES !!! VIVA SÓCRATES'

5 comentários:

macaw disse...

:SSSSSSSSS

korrosiva disse...

Faltava tudo e o papagaio ainda estava vivo??
Isso não era um papagaio era um milagre com penas!! ehehhe

beijinhoss sem vivas po Socrates... bah!

Tá-se bem! disse...

E quem não tiver papagaio!?? Ai tadinho do gatinho... loool

Mas que grande crise que para aí vem... Eu se fosse a ti mudava já de nome.. piu piu ahahaha

Abraço :p

Pintinho disse...

Pois, Macaw... :SSSSS
Beijoca




Tá-se, não comeces com ideias. Fiquem lá com os gatos...
Abrao

Pintinho disse...

Pois é korrosiva, mas sabes que o papagaio é como um amigo para aquela família... :p

Beijoca